top of page

equipa

Ana Carina Paulino

 

Gestão e Administração 

(1983). Formada em Teatro pela ESAD.Caldas da Rainha em 2009, estagiou n’O Espaço do Tempo onde trabalhou (10 anos) ao lado de Rui Horta. Foi sua assistente e directora de produção das suas obras e de toda a programação e produção da estrutura e geriu apoios privados e públicos, nomeadamente a DGArtes. Colaborou também com a Materiais Diversos, e a Banda de Alcobaça na produção de festivais e, desde 2019 tem apoiado diversas estruturas e artistas independentes na preparação de candidaturas, principalmente à DGArtes. Em 2024, depois de um interregno de 4 anos, regressa à cultura para trabalhar com a Produções Real Pelágio. Escreve crónicas sobre literatura no seu projecto Mil e Duas Páginas e no Coffeepaste, lê Tarot e estuda sistemas informáticos e inteligência artificial.

Carlos Bártolo

 

Design Gráfico

(1968) Licenciatura em Design de Comunicação-Artes Gráficas (ESBAP), mestrado em Design Industrial de Produtos e Equipamentos (FAUP) e doutoramento em Design (ULL). Dedicou-se ao ensino do Design e Histórias da Arte, Cinema e Design em paralelo com a colaboração com empresas e instituições públicas e privadas, essencialmente na área da cultura, como designer gráfico e editorial, de exposições e cenografia. Colabora com a Produções Real Pelágio desde o século passado.

Clara Motta

 

Produção Executiva

Produtora e programadora cultural, com pós-graduação em Ciências da Comunicação pela NOVA FCSH e licenciatura em Estudos Artísticos pela Universidade de Coimbra. Durante 2018, estagiou no MAAT e na Associação Il Sorpasso, gerindo a plataforma FILMIN. Em 2019, fundou o Coletivo Tarimba, onde trabalhou como produtora em eventos e exposições em Lisboa, Almada e Barreiro. Entre 2023 e 2024, coordenou a área da cultura da Associação ATV, programando eventos e sessões de cinema independente por todo o concelho. Atualmente, é produtora executiva na Produções Real Pelágio.

Pedro Pinto

 

Arquivo

Pedro Pinto nasceu em Lisboa em 1977. Especializou-se em estudos de género, sexualidade e políticas do corpo nas ciências da saúde. Nas décadas de 1990 e 2000 trabalhou como músico, performer e co-criador de peças coreográficas, nomeadamente com Tânia Carvalho, Vera Mantero, Francisco Camacho, entre outros/as. Foi co-fundador da associação Bomba Suicida. Entre 2014–2022 foi investigador da Rhodes University (África do Sul) e publicou a história da puberdade nas disciplinas médicas (Routledge, 2019). Após a morte de Gil Mendo, seu companheiro de vida, retornou ao universo das artes performativas, tendo recentemente criado com Vera Mantero o espectáculo Cabaret Cosmológico.

Simone Longo de Andrade

Nasce no Brasil (1978), cresce em Portugal. Trabalha em variados contextos geográficos e culturais (sobretudo na América Latina e em África),  movendo-se entre as artes, a educação, o pensamento político e os direitos humanos, desenvolvendo projectos e parcerias multidimensionais e multidisciplinares. Especialista na abordagem de direitos humanos e na comunicação dos mesmos como ferramentas de transformação e de justiça social. Jurista (FDUC, Portugal), com mestrado em Direitos Humanos e Democratização (E.MA, Países Baixos & Itália). 

 

Susana Ribeiro Martins

 

Comunicação e CFA Educação

(1977, Lisboa) Pós-graduação em Antropologia (ISCTE, 2005, 2015), Licenciatura e Pós-graduação em Ciências da Comunicação (UCP, 2000) (UNL, 2006). Curso de Audiodescrição (Acesso Cultura, 2018). Formação em fotografia e cinema, e aplicação em vários contextos. Escreveu para o JL, A Capital e docs.pt 2000/06. Participou em projetos de investigação-ação em direitos humanos (JRS, 2008/12), (ACM-GACI, 2006/12), (ISCTE, 2013/17). Na Real Pelágio, conjuga atividade em comunicação, investigação/ arquivo, e mediação da leitura (2017/-).

bottom of page